"Sou egoísta, impaciente e um pouco insegura. Cometo erros, sou um pouco fora do controle e às vezes difícil de lidar, mas se você não sabe lidar com o meu pior, então com certeza, você não merece o meu melhor!"
Marilyn Monroe

Felicidade

         Para você que desistiu de procurar por um amor verdadeiro ou nunca se quer pensou nisso (ou pensa, mas não admite), sinto-me no dever de te encorajar a procurar.

         Eu sei que você pode estar pensando “falar é fácil, quero ver você achar uma pessoa que presta para me apresentar” e sei, porque eu também seria capaz de pensar isso à um tempo atrás. Mas, hoje em dia, eu vejo que tudo acontece na hora que tem que acontecer, só não se pode desistir de quer ser uma pessoa melhor todos os dias.

         Ser uma pessoa de princípios, caráter e boa fé é o essencial para ser uma pessoa que “presta”. A verdade é que procuramos sempre alguém perfeito, mas não nos perguntamos se afinal seriamos a pessoa certa para alguém. É claro que todo mundo se sente bom e merecedor, mas será que não somos tão individualistas quanto as pessoas que nos magoaram?

         Sempre achei que para ter o bem eu deveria fazer o bem e para receber o mal era igualmente proporcional, na minha concepção isso é uma vida justa. Então, um dia eu parei pra pensar na minha vida e percebi que eu a estava desperdiçando o melhor de mim, sendo alguém que só pensava em se “divertir” e “aproveitar a vida” fazendo tudo em função dos amigos ou dos meus desejos primitivos e sem pensar nas consequências futuras ou no sentimento dos outros. Foi aí que eu percebi que estava me perdendo.

         Contudo, acredito que todo mundo tem algo bom para oferecer, todo mundo tem uma qualidade e uma função nessa vida. A única coisa que precisa ser feita é descobrir quais são elas. No meu caso, sempre soube que eu não servia para “curtir a vida loucamente” com desejos “primatas” e baseada nas convenções sociais. Eu sempre fui clássica, antiga, tradicional, velha […](o que você preferir). Mas o fato, é que eu sempre soube que eu deveria ajudar pessoas, amar um homem só e ser mãe. Portanto, eu estava perdendo tempo e desperdiçando a mim mesma. Vi também, que sendo aquela pessoa eu não estava dando o melhor de mim, então como que alguém que prestasse iria me enxergasse finalmente?

         Você pode achar essa minha ideia errada ou muito conservadora. Mas, sinceramente, acho que as pessoas deveriam se colocar mais vezes no lugar das outras. Eu, honestamente, não queria um cara baladeiro, mulherengo e propenso ao alcoolismo na minha vida. Afinal, as qualidades que queremos em outra pessoa tem que estar em nós mesmos primeiro.

           Longe de mim quer dizer que para encontrar a pessoa certa a gente deve ir a igreja, como a mãe de uma amiga minha fala. De forma alguma estou generalizando e achando que beber ou ir pra balada é estar fazendo uma coisa errada. Acredito que curtir a noite com os amigos é ótimo, não julgo de forma alguma, é saudável e divertido. Eu só acho que tudo tem limites e pra tudo temos que ter bom senso. Até quando badalar vai saciar seus desejos e curar sua tristeza?

           Eu formulo essa teoria sobre como achar a pessoa certa pensando na minha essência, no que eu precisava fazer para alcançar o que eu queria e então ser feliz. Tenho essa ideia porque eu descobri o sentido para a minha vida, mas esse pode não ser o seu objetivo. Mas enfim, achar o amor verdadeiro pode não ser fácil e pode não ser o desejo de todo mundo, mas sei que é o desejo de todos ser feliz. Então, na minha concepção, para buscarmos a felicidade temos que procurar um sentido e uma função nesta vida.

            Procure a sua e planeje sua vida em torno disso. Meu príncipe encantado pode não ser o seu, quer dizer, minha felicidade não necessariamente precisa ser igual a sua, mas você tem o dever de ser o melhor que puder.

 

               

"Quando sua voz falou, pra onde você quiser eu vou.

Largo tudo se a gente se casar domingo.

Na praia, no sol, no mar ou num navio a navegar.

Num avião a decolar indo sem data pra voltar

Toda de branco no altar

Quem vai sorrir? Quem vai chorar?

Ave Maria, sei que há uma história pra contar!”

Marcelo Jeneci

Reblogged from desanda-r  11,769 notes
"Acreditar que exista alguém melhor,

Acreditar no amor,
Acreditar na felicidade!
Acreditar que você é capaz
Acreditar que coisas boas podem acontecer
Acreditar que você pode ser melhor!
Se as pessoas acreditassem, de verdade, umas nas outras o mundo seria mais bonito!

"Acreditar que exista alguém melhor,

Acreditar no amor,

Acreditar na felicidade!

Acreditar que você é capaz

Acreditar que coisas boas podem acontecer

Acreditar que você pode ser melhor!

Se as pessoas acreditassem, de verdade, umas nas outras o mundo seria mais bonito!